Namorada de porta-voz de Tião Viana teria sido favorecida em concurso e revolta aprovados da saúde

0
Charlene ao lado de Leonildo e Tião Viana/Foto: Secom

O governo do Estado do Acre está sendo acusado de favorecer a contratação de Charlene Brilhante Carvalho, namorada do porta-voz do governador Tião Viana (PT), Leonildo Rosas. A denúncia do favorecimento foi divulgada nas redes sociais nesta sexta-feira (9).

Segundo o denunciante, o jovem Gabriel Pacheco de Oliveira, Charlene, que já ocupada cargo de assessora de execução de projetos na Secretaria de Planejamentos do Estado, com salário acima de R$ 11 mil, foi convocada em concurso publico realizado em 2013 mesmo ficando abaixo das vagas imediatas.

“Charlene, que ocupou cargos comissionados muito bem remunerados desde 2015, onde recebia mais de 11 mil reais no último cargo, e é companheira do porta-voz do governo, Leonildo Rosas, mesmo estando classificada em 5º lugar para Senador Guiomard, onde havia apenas 2 vagas no edital, surpreendentemente, foi nomeada e, além disso, nem sequer compareceu à unidade de saúde daquele município, vez que foi cedida para o Iapen”, denuncia o jovem.

O diretor do Hospital Ary Rodrigues, Ney do Miltão, disse que recebeu documentos do governo dando conta de que Charlene foi designada a trabalhar como assistente social no Instituto de Administração Penitenciária de Senador Guiomard. Por lei, a servidora deveria ter se apresentado ao novo posto de trabalho cinco dias após a posse, o que não aconteceu até esta sexta-feira (9). Além disso, para exercer a nova função, ela deveria ser exonerada do cargo de assessora na Seplan.

Charlene fica foram das vagas imediatas, mas mesmo assim é convocada

Após publicação de Gabriel, vários internautas aprovados em concursos na área da saúde e que aguardam convocação ficaram revoltados com a situação.

“Estamos aguardando sermos convocados desde 2016 e até agora nada, mas para amigos e namoradas de assessores o governo dá um jeito de contratar”, dispara a jovem Marcia Lima.

A validade do concurso em que Charlene foi aprovada e convocada em dezembro do ano passado vence neste sábado (9), e o governo não apresenta garantias que os aprovados dentro das vagas serão chamados para trabalhar. Charlene conseguiu ser convoca antes do prazo final de validade do certame e ainda foi designada para o Iapen, órgão ligado à Secretaria de Segurança.

Procurada pela imprensa, a secretária de Comunicação do governo, Andréa Zillio, comentou sobre o caso e garantiu que não houve favorecimento por parte do governo. Zillio informou que o Iapen solicitou 5 assistentes sociais e por isso Charlene foi designada para prestar serviços ao órgão da segurança.

Confira a nota:

Não tem nenhum equívoco no processo de chamamento do concurso da Saúde. As pessoas foram chamadas de acordo com a demanda, como acontece em todos os concursos.

O Instituto Penitenciário do Acre (Iapen), solicitou à Secretaria de Gestão Administrativa (SGA), cinco assistentes sociais em decorrência da própria realidade inerente ao sistema prisional, um ambiente onde a reeducação e ressocialização social é o foco principal. Esses profissionais foram chamados para serem lotados na Penitenciária de Senador Guiomard.

Isso é prática normal na administração municipal, estadual e federal. Portanto, não existe nenhum equívoco em ter sido chamado mais profissionais da área, assim como em qualquer outra que tenha sido solicitado pessoas do cadastro de reserva, aliás, ele existe exatamente para atender a demanda caso necessário.

Comentários

comentários