Dankar está entre os melhores e mais responsáveis vereadores de Rio Branco, diz colunista

0

Entre os melhores

Coloco Mamed Dankar, vereador de Rio Branco, na mesma cota de lucidez política, bom senso e ética que os ex-deputados Geraldo Pereira e Chagas Romão.

Política com ‘P maiúsculo’

Dos poucos que faz política com ‘P maiúsculo’ e não se perde em assuntos pequenos, tampouco se resvala em ataques pessoais.

Sempre respaldado

Todas as vezes que usou a tribuna para criticar ou solicitar melhorias para Rio Branco ele o fez com respaldo, respeito e a legalidade que o cargo lhe dá.

Foi ‘Robson da Cidade do Povo’

Quem falou das péssimas, péssimas mesmo, condições da Cidade do Povo foi o líder comunitário Robson. Também o fez com legitimidade.

Não terceirizou o problema

Dankar nao terceirizou problema, dizendo que a responsabilidade da malha viária é de a ou b. Quem costuma fazer isso é a prefeita Socorro Neri.

Dankar é coerente

Dito tudo isso resta esclarecido que Dankar mesmo quando optou por um mandato mais independente não abriu mão da coerência. A coluna se desculpa por qualquer informação fragmentada ou afins que tenham sido publicadas no site Folha do Acre.

Acompanha de perto

Esta colunista acompanha de perto o trabalho de todos os vereadores de Rio Branco e, portanto, se sente em condições de opinar com propriedade sobre o bom trabalho de Dankar.

Consenso

O governador Gladson Cameli (PP) continua em viagem, mas o governo segue sendo pautado como deve. Tudo indica que o consenso entre governo e grevistas da saúde sairá finalmente.

Gigante

Quem sai gigante desta greve é o deputado Jenilson Leite. Médico e defensor da saúde, o deputado ‘matou no peito’ todas as críticas feitas aos colegas.

Chamou de “vagabundos”

Jenilson, assim como a maioria dos acreanos se indignou quando o subsecretárioa da Sesacre, coronel Jorge Rezende, chamou os grevistas de “vagabundos”.

Pedem a demissão de Rezende

Na última reunião entre servidores e governo, a sindicalista Alesta, que também era militante de Gladson na campanha, pediu a demissão de Mônica Feres e coronel Rezende como sinal de que o governador considera e respeita os sindicalistas. Aguardar para ver a decisão.

Bom dia a todos

Comentários

comentários