Câmara debate qualidade do açaí em audiência pública após notícias de contaminação

0

A Câmara Municipal de Rio Branco iniciou nas primeiras horas desta segunda-feira (11) uma audiência pública na sede do parlamento rio-branquense para debater o fortalecimento das ações de fiscalização do açaí produzido no Acre.

O autor do requerimento, vereador Artêmio Costa (PSB), argumentou que diante das notícias da contaminação do açaí por fezes do mosquito barbeiro se faz urgente debater a fiscalização do processo de colheita e preparo do produto, pois a suposta contaminação mexe não apenas com o comércio, mas também com um caso de saúde pública.

“A notícia de que produto estava contaminando as pessoas causou grande nervosismo entre a população. Nesse sentido, acho de extrema importância suscitar um debate mais aprofundado”, declarou no dia 5 desde mês quando solicitou a realização da audiência pública.

Presente à reunião estavam o secretário Municipal de Saúde, Otoniel Almeida, e vereadores da capital como é o caso de João Marcos Luz (MDB) que afirmou que é preciso que todos os testes sejam feitos, porém sem alardes, sem temeridades.

“O que precisamos é garantir um controle de qualidade, porém sem afastar do mercado nossos pequenos produtores de açaí que agem com responsabilidade e zelo. Precisamos de menos alarde e mais ação”, declarou, João Marcos em um vídeo divulgado na internet pouco minutos antes de inicar a audiência pública.

Comentários

comentários