Equipe da Sema é feita refém e sofre ameaça de morte em comunidade rural

0
Secretário Edegard de Deus

Uma equipe da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) foi rendida por moradores da comunidade Pedra Branca, na zona rural de Cruzeiro do Sul, interior do Acre, na quarta-feira (12). O secrecretário da pasta, Edegard de Deus, estava junto da equipe, mas conseguiu fugir do cerco.

As pessoas que vivem na comunidade alegam abandono pelo poder público e pediam um novo trator para realizar melhorias no ramal, além de energia elétrica. Os funcionários da Sema só foram liberados quando Edegard de Deus conseguiu atender parte das reivindicações.

“Foi uma situação preocupante. Os reféns sofreram ameaças de morte, pressão psicológica e ficaram em estado de choque. A polícia militar agiu rápido e mediou o acordo para liberação, declara Alexnaldo Batista, delegado da Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

Com informações da agazeta.net

Comentários

comentários