sábado, outubro 16, 2021
23.1 C
Rio Branco
sábado 16 outubro 2021

Falso médico é alvo da Polícia Federal após fraudar diploma e atuar no Acre

POR Assessoria

O Conselho Regional de Medicina do Acre denunciou à Polícia Federal um homem formado no exterior que forjou aprovação no Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida) para tentar obter registro profissional na autarquia.

Munido de falso documento, o homem deu entrada no procedimento para inscrição primária no CRM-AC, alegando ser formado em faculdade da Bolívia e que tinha revalidado o diploma pela Universidade Federal do Ceará.

A fraude foi descoberta pela equipe do setor de registro do CRM-AC, após minuciosa análise dos documentos.

Apesar da faculdade da Bolívia ter confirmado que emitiu regularmente o diploma do profissional, ao verificar junto à Universidade Federal do Ceará, o CRM-AC foi informado de que os dados apresentados pelo homem não constavam nos livros de registros da pró-reitora de graduação da instituição. Logo, o diploma dele não foi revalidado por aquela universidade.

Considerando que há indícios de delitos contra o Conselho Regional de Medicina do Acre, um comunicado foi encaminhado à PF com as devidas informações a fim de que sejam tomadas as devidas providências.

“O CRM reafirma seu compromisso com a segurança do paciente e a boa aplicação da medicina”, disse a presidente, Dra. Leuda Dávalos.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img