Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Acre registra mais de 70 ocorrências de festas clandestinas e aglomerações no lockdown

Redação Folha do Acre

Publicado

on

As equipes de fiscalização do Acre registraram mais de 70 ocorrências em desrespeito ao decreto que determinou o fechamento do comércio durante o fim de semana para conter o avanço do novo coronavírus no estado. Os dados são de flagrantes feitos entre às 18h de sábado (13) e às 6h deste domingo (14).

Entre essas ocorrências está o encerramento de uma festa clandestina com diversas pessoas na Estrada Jarbas Passarinho, em Rio Branco, na noite de sábado.

Uma denúncia anônima levou uma equipe da Polícia Militar até o local. Na festa tinha muita bebida, piscina, música alta e diversas pessoas sem máscara, item de uso obrigatório. A quantidade de pessoas flagradas no local não foi divulgada. A Segurança Pública do Acre informou que ninguém foi levado para a delegacia, mas as pessoas foram orientadas a deixar o local.

O governo adotou o fechamento emergencial do comércio e outros serviços nos fins de semanas e feriados para tentar reduzir os casos de Covid-19 e a alta demanda nos hospitais. A Saúde do Acre entrou em colapso no sábado (13) e deve começar a transferir pacientes para outros estados.

No mesmo dia, o boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) trouxe mais dez mortes pela Covid-19 e 623 novos casos de infecção pelo coronavírus. O número de infectados saltou de 61.709 para 62.332 nas últimas 24 horas e o de mortes chegou a 1.116 em todo o estado.

Em Rio Branco, o pronto-socorro e o Into-AC, onde funciona o maior hospital de campanha do estado, atingiram a lotação máxima nesse sábado. No PS, todos os 30 leitos de UTI estavam ocupados e no Into os 50 leitos estavam com pacientes. De acordo com o boletim de assistência, 13 pacientes aguardavam na fila por um leito de UTI e 5 por leitos de enfermaria.

Ocorrências

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informou que foram atendidas 73 ocorrências de diversas natureza até às 6h deste domingo. São flagrantes de festas clandestinas, pessoas em aglomerações, cultos presenciais e outros.

Os dados são distribuídos entre os batalhões da capital acreana. O Primeiro Batalhão da Polícia Militar, que abrange o Centro de Rio Branco, bairro Calafate e região, registrou o maior número de ocorrências, 42 ao todo.

Já o Segundo Batalhão da PM-AC, que atende todo o 2º Distrito da capital, recebeu 13 ocorrências. Responsável pela parte alta de Rio Branco, o Terceiro Batalhão atendeu 18 casos.

Os dados dos registros durante o dia não foram repassados.

G1

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas