Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Política

Gladson quer adotar táxi no transporte de servidores e extinguir uso de carros oficiais

Gina Menezes

Publicado

on

O governador do Acre, Gladson Cameli (sem partido), anunciou em um grupo de WhatsApp, na última segunda-feira (5), que irá propor o fim do uso dos chamados carros oficiais. A intenção de Cameli é seguir o exemplo do governo do Paraná que extinguiu o uso de carros oficiais e passou a usar em lugar deles os motoristas de aplicativos.

No caso da ideia de Cameli ser aprovada, os motoristas oficiais poderão ocupar outras funções na estrutura do governo e até mesmo se aposentarem se já estiverem alcançado os requisitos para isso.

O governo do Paraná adotou táxis e carros usados por aplicativos como meio de transporte oficial dos servidores para reduzir a frota de carros oficiais. A medida foi adotada por meio do decreto 5.822/20, assinado pelo governador Ratinho Junior (PSD) nesta semana, e pretende gerar uma economia de quase R$ 500 mil por mês.

O decreto proíbe o uso de veículos oficiais para deslocamento de agentes públicos na realização de atividades de caráter administrativo, tais como reuniões, encontros, palestras, debates ou treinamentos. O servidor que precisar se deslocar do local de trabalho deve usar o TaxiGOVPR, um sistema semelhante aos aplicativos de transporte. De acordo com o governo, mais de 17 mil usuários já estão cadastrados no serviço.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas