Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Mulher vem do Rio Grande do Sul e adota 4 irmãos em educandário de Rio Branco

Redação Folha do Acre

Publicado

on

As quatro crianças que estavam há um ano e seis meses no Educandário Santa Margarida permanecerão juntas em um novo lar

Depois de um ano e seis meses morando no Educandário Santa Margarida, quatro irmãos vivem um novo momento de suas vidas. Nesta sexta-feira, 21, eles embarcaram rumo ao novo lar, no estado do Rio Grande do Sul. A adotante veio ao Acre para concluir os procedimentos necessários, acompanhada de seu pai, e só retornou para sua cidade com as crianças.

A mulher de 45 anos, que não tem filhos e é solteira, teve seu processo concluído e recebeu a habilitação para adoção unilateral em janeiro desse ano, pelo Sistema Nacional de Adoção. Já as crianças ficaram aptas para adoção a partir de fevereiro, ou seja, um ano após entrarem no abrigo. São três meninas de 6, 4 e 2 anos, e um menino de 8 anos.

A partir disso, o Sistema as vinculou a adotante. Desde então, segundo a juíza de Direito Isabelle Sacramento, da 2ª Vara da Infância e Juventude da Comarca de Rio Branco, foi feita a aproximação entre eles, dentro do esforço que vinham fazendo de não separar as crianças. “O nosso propósito era de que as crianças não fossem separadas, pois estarem juntos era a única referência que eles tinham de família”, conta.

Diante da pandemia causada pelo novo coronavírus, a tecnologia foi a aliada. A aproximação que iniciou em março foi por videoconferência. Com todos os procedimentos concluídos, a adotante chegou em Rio Branco no último dia 13. Protocolos finalizados, documentos concluídos, ela retornou hoje, junto ao seu pai e as crianças para o Rio Grande do Sul.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas