Camionete com adesivos de candidatos do PT é flagrada estacionada em órgão público

0

As orientações da secretária de Gestão Administrativa, Sawana Carvalho, em um áudio, vazado nas redes sociais, em que ela incentiva servidores que apoiam o candidato ao governo do Acre, Marcus Alexandre (PT) a descumprir a proibição de estacionar veículos com propaganda partidária em estacionamentos de órgãos públicos começou a ser seguido à risca.

O “efeito Sawana” de descumprimento das orientações eleitorais pode ser comprovado na tarde de terça-feira, 25, quando uma camionete modelo Hilux de cor vermelha, com vários adesivos dos candidatos ao governo, Marcus Alexandre e a deputado estadual, Jonas Lima, estava estacionada na entrada da Junta Comercial do Estado do Acre (JUCEAC).

A reportagem, que flagrou o descumprimento das regras eleitorais, recebeu informações de militantes do próprio Partido dos Trabalhadores (PT) de a camionete pertence ao candidato a reeleição a deputado estadual Jonas Lima, e que estava sendo usada pela filha do candidato, Dienifan Lima, que, de acordo com informações contidas no Diário Oficial do Estado (DOE), ocupa o cargo de Secretária-Geral da Junta Comercial do Estado do Acre – JUCEAC, nomeada 1º de março de 2018.

A época chegou a ser comentada que a nomeação da filha de Jonas Lima foi fruto de uma negociação do parlamentar com o governo do Acre, intermediada pelo então prefeito de Rio Branco, e hoje candidato ao governo do Acre, Marcus Alexandre, para que Lima não deixasse o PT.

Na ocasião, Jonas Lima negou que houvesse qualquer tipo de negociação envolvendo a nomeação de sua filha ao cargo na JUCEAC, até mesmo o líder do Governo na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Daniel Zen, também do Partido dos Trabalhadores, fez questão de enfatizar que o cargo ocupado pela filha do parlamentar petista não tinha nenhuma relação com o seu desentendimento com a sigla.

Comentários

comentários