Adelaide e esposa de Jorge Viana disputam poder na Fieac; supostos esquemas de Adriano correm risco

0

Fieac

A situação da Federação das Indústrias do Estado do Acre (Fieac) não é das melhores. Segundo informações de funcionários que trabalham no local e que pedem sigilo por medo de retaliações, a federação foi “sangrada” pelo empresário José Adriano, presidente afastado para a campanha de pré-candidato a deputado federal.

José Adriano teria esquema dentro da Fieac

Adriano teria montado um esquema financeiro com direito a obras superfaturas do sistema S, passando por funcionários com supersalários, que parte eram devolvidos a ele, entre outras coisas escabrosas. As fontes que fazem tais afirmações trabalham na própria Fieac.

Adelaide Fátima, a voz de Adriano

Adriano achou que deixando Adelaide de Fátima como presidente interina manteria as coisas funcionando em seu benefício, mas as coisas não andam saindo como ele planejou.

Briga de titãs

Os ventos lá pelos rumos da Fieac não andam nada bem. Adelaide de Fátima e Dolores Nieto, esposa do senador Jorge Viana (PT) e que teria 17 empresas no seu nome, andam se trombando nos corredores e, garantem as fontes, nos interesses também.

A missão da esposa de Jorge Viana

Na disputa quem tem levado a melhor é a esposa do senador Jorge Viana, Dolores Nieto, que detém o cargo de assessora especial da federação.

Com pompa e circunstância

Até a sala onde Dolores despacha é muito mais sofisticada que a da presidência e isso tem incomodado Adelaide de Fátima.

Quem manda

Mas o que incomoda mesmo não é a sala, nem a deferência, o que tem irritado Adelaide de Fátima é que Dolores manda mais que ela, garantem os servidores da Federação que aprenderam a falar baixinho pelos corredores temendo retaliações das duas poderosas.

A missão de Dolores Nieto

Uma pessoa que já foi ligada ao alto escalão da Fieac, que terá seu nome preservado por temer retaliações, garantiu que a única função de Dolores Nieto dentro da Fieac é ficar de olho nos supostos esquemas de José Adriano. Essa mesma fonte garantiu que Dolores já cumpriu missão semelhante na empresa Adin.

Jossandro Cavalcante

O vereador de Sena Madureira, Jossandro Cavalcante (PSDB), afirmou que se sente ameaçado e que se algo lhe acontecer o culpado será o prefeito da cidade, Mazinho Serafim (MBD).

Ameaçado

“Você não imagina tudo que tenho sofrido”, desabafou o vereador a esta colunista.

Menos, vereador

Deve haver um pouco de exagero no lamento de Jossandro. Mazinho é sim um homem impaciente e explosivo, mas não cremos que chegue a praticar violência física.

Bom dia a todos

Comentários

comentários