Briga entre prefeito e vereadores de cidade acreana sobra para concursados

0

Em Manuel Urbano prefeito e vereadores d oposição entram numa queda de braço sobre gastos da folha de pagamento, e nessa disputa 49 servidores concursados foram exonerados na semana passada. Enquanto isso, vereadores aprovam projeto de lei no qual eles passam a receber décimo terceiro salário e ferias, mesmo contando dois períodos de recesso por ano.

O refeito também queria aprovar a lei com o mesmo beneficio, mas a matéria não entrou na pauta de votação da câmara. Os vereadores acusaram o prefeito Tanísio de Sá, de gastar esse ano, só com diárias R$ 27 mil.

Enquanto legislativo e executivo ficam nessa briga, o diário de quinta-feira passada trazia a relação dos 49 trabalhadores, a maioria vigilante, que ficou sem nada

Segundo o prefeito a economia para os cofres públicos vai chegar a R$ 1,1 milhão. Mas a retirada desses servidores é uma forma de o município obedecer a lei de responsabilidade fiscal.

No mês de agosto desse ano o município gastava 64,5% do orçamento com a folha de pagamento, quando deve chegar a 60%, somando os servidores da câmara e vereadores.

O prefeito informou que esta retirando cargos comissionados, 98% das gratificações e mesmo assim só reduziu 3,5% dos gastos.

Comentários

comentários