Deputado indica esposa para ganhar R$ 7 mil no governo e é xingado por eleitores

0
Deputado Marcus Cavalcante (PTB)

A nomeação da esposa do deputado

Os moradores de Feijó reagiram com indignação à nomeação da esposa do deputado Marcus Cavalcante, Maria Misselene de Aleixo, para um cargo em comissão (SEC 7). Houve indignação e sobrou xingamentos ao deputado acusado de legislar em causa própria ao indicar familiares para compor o governo.

Desfalcar a Educação

Os feijoenses se indignaram principalmente pelo fato de Missilene ser professora e desfalcar a rede de educação para assumir o novo cargo.

O requerimento

Por falar em deputados e cargos, foi aprovado ontem na Assembleia Legislativa do Acre um requerimento para a convocação dos chamados “notáveis” do governo Gladson. O grupo de planejamento estratégico.

Sabatina desnecessária

Duas coisas nessa aprovação precisam ser observadas: os deputados querem mostrar que um grupo não eleito nas urnas tem amplos poderes e o submete a uma sabatina desnecessária.

Esperam mais generosidade

Ao aprovar o requerimento os deputados indicam que ainda não estão satisfeitos com a relação com o governador e que esperam mais generosidade, leiam-se cargos, da parte dele.

Todos os dias

Virou rotina as sessões na Câmara de Vereadores de Rio Branco serem suspensas logo após serem iniciadas. Por tudo e por nada os vereadores suspendem as sessões.

Concurso simplificado

A Secretaria de Saúde irá realizar um concurso simplificado para a contratação de 350 profissionais da saúde.

Não pega bem

Palavras que não pegam bem no que tange à saúde pública do Acre: concurso simplificado e terceirização, mas é só o que se ouve.

Violência

A violência continua assolando o Acre. Arrastão em ônibus e estudante baleado em frente a faculdade são algumas das notícias que chocam os acreanos.

Bom dia a todos

Comentários

comentários