7º BEC rebate DNIT e diz que melhor trecho da BR-364 foi construído pelo Exército

0

Em nota enviada ao site Folha do Acre, na última segunda-feira (12), o 7º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC) do Exército Brasileiro contestou as informações passadas pelo surperintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), Thiago Caetano, de que as obras de recuperação da BR-364, trecho Rio Branco/Sena Madureira, estaria atrasado por conta do Exército, responsável por parte do trecho não ter a mesma celeridade nas obras que as empresas particulares.

LEIA MAIS:

Após acidente causado por buracos e que matou 2 pessoas, DNIT culpa Exército por atraso em obras

Na nota assinada pelo tenente-coronel Flávio do Prado, comandante do 7º BEC, o Comando afirma que mantém seu total engajamento em produzir com qualidade, em prol do desenvolvimento nacional.

Veja a nota na integra:

O 7º Batalhão de Engenharia de Construção (7º BEC) assinou o Termo de Execução Descentralizada Nr. 378, em 22 de junho de 2017, com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT), ou seja, no auge do período seco no Estado do Acre, oportunidade em que, tão somente a partir desse momento, pôde dar início ao processo de mobilização para cumprir a nova missão.

Em 2018, mesmo encontrando-se em pleno período chuvoso, o que inviabiliza tecnicamente um serviço de “tapa-buraco” eficiente e de qualidade, o Batalhão mantém seu destacamento de trabalho, objetivando, mesmo que economicamente desinteressante para qualquer empresa, realizar o possível nos breves períodos de estiagem.

Tal assertiva correta, de manutenção dos trabalhos, é ratificada pelo estado geral de conservação do trecho sob responsabilidade do “Batalhão Barão do Rio Branco”, sendo considerado o melhor do que constatado em outros pontos entre a capital e Cruzeiro do Sul. Essa possibilidade de desenvolvimento de maior velocidade, aliada a imprudência de alguns motoristas e a inevitável existência de alguns buracos na pista, durante o período chuvoso, contribuem para a ocorrência de acidentes.

O 7º BEC um dia teve o árduo compromisso de construir a BR-364 entre Rio Branco e Cruzeiro do Sul e, hoje, mantém seu total engajamento em produzir com qualidade, em prol do desenvolvimento nacional.

O DNIT reforça a importância do trabalho desenvolvido pelo Exército Brasileiro, tanto nível técnico quanto a nível social, e o interesse de se buscar novas parcerias. Aproveita, ainda, o ensejo, para informar a população que tem buscado manter constante debate junto às empresas contratadas e órgãos conveniados, com o intuito de aprimorar a execução dos serviços, dar maior celeridade à obra e executar todo trabalho com qualidade e dentro dos padrões normativos.

Nesse sentido, o DNIT apresenta à sociedade em geral a sua Meta para 2018: deixar todas as rodovias federais sem nenhum buraco e com trabalho permanente de manutenção, bem com licitar grandes obras estruturantes ao longo de todo o estado do Acre.

O DNIT, juntamente com 7º BEC , reafirmam o compromisso de zelar pela segurança dos usuários da rodovia, ao mesmo tempo prezando pela entrega de um serviço de qualidade.

Comentários

comentários