Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Motorista envolvido em acidente que matou jovem faz pedido para prestar vestibular

Publicado

on

Pedido para Alan Lima prestar vestibular é desse sábado (5), feito a 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditoria Militar de Rio Branco.

A defesa de Alan Araújo de Lima, que dirigia um dos carros envolvidos no suposto racha que atropelou e matou Jonhliane de Souza, de 30 anos, em agosto do ano passado, pediu à justiça do Acre para que ele possa prestar vestibular em uma uma faculdade particular de ensino à distância em Rio Branco.

O pedido foi feito nesse sábado (5), à 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditoria Militar de Rio Branco. Segundo o pedido, Lima cursava administração e, depois da prisão, precisou cancelar a faculdade porque estava cursando o primeiro período e não tinha como trancar e deseja voltar a cursar administração.

O G1 entrou em contato com a defesa de Lima neste domingo (6), que preferiu não se manifestar sobre o caso. O acusado está preso no Batalhão de Operações Especiais (Bope) desde agosto de 2020.

“Excelência, o ora acusado tem o interesse em retornar seus estudos em uma faculdade no curso de administração, porém necessita de autorização para poder prestar o vestibular na referida instituição, não necessitando se deslocar do local onde está preso, pois com o fenômeno da pandemia as faculdades estão ofertando os vestibulares on-line, necessitando apenas realizar sua inscrição que poderá ser feita por qualquer um dos seus familiares, e, no dia da sua avaliação, necessita apenas de um computador com internet, da mesma forma das aulas via remota com aulas não presenciais”, diz o pedido.

O pedido é feito ainda para que, em caso de autorização do juiz e aprovação de Lima, seja autorizada a participação dele nas aulas que devem ocorrer uma vez por semana e também de forma on-line.

G1

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas