Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Aposentada que morreu com coronavírus no Acre só teve contato com filhas após contrair doença

Redação Folha do Acre

Publicado

on

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) confirmou, na noite desta terça-feira (7), a segunda morte causada pela Covid-19 no Acre. A advogada aposentada Maria Lúcia Pismel de Paula tinha 75 anos e estava na UTI do Pronto-Socorro de Rio Branco desde o dia 4 de abril. Ela é mulher do ex-prefeito de Senador Guiomard, José Leite.

A idosa tinha sintomas, como desconforto ao respirar, febre e taquicardia. Ela foi encaminhada ao PS dois dias depois de ter dado entrada em um hospital particular de Rio Branco.

Além disso, a paciente apresentava sequelas de um acidente vascular cerebral (AVC). O exame que atestou a doença na idosa saiu ainda no dia 2, mesmo dia em que foi internada.

Deison Bandeira é casado com uma das netas da idosa. Ele conta que a mulher estava acamada em decorrência do AVC e só tinha contato com as filhas que cuidavam dela.

“Ela é advogada aposentada e há seis anos tem sequelas de AVC, estava debilitada e aí apresentou os sintomas. Só as filhas cuidavam dela, não sabemos como ela pode ter pegado a doença. Se foi alguém do convívio, não apresentou sintomas”, diz.

Esta é a segunda morte causada pela doença no estado. A primeira foi registrada na segunda-feira (6), quando uma aposentada de 79 anos também morreu após ter seguidas paradas cardíacas na Unidade de Pronto Atendimento do Segundo Distrito de Rio Branco.

G1

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas