Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Opinião

Ao defender nora, Bestene chama jornalistas de “vagabundos de plantão”; Sinjac repudia declaração

Anderson Bodanese

Publicado

on

O deputado estadual José Bestene (PP) chamou de “vagabundos de plantão”, os jornalistas que publicaram reportagens sobre a notificação expedida pelo Tribuna de Contas do Acre (TCE) contra a sua nora, Mayara Cristine Bandeira de Lima, diretora-presidente da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Acre (Ageac).

Segundo documento do TCE, o órgão identificou indícios de superfaturamento em uma compra da Ageac junto à uma empresa de informática e pediu explicações a Mayara.

Bestene não gostou nada das reportagens e sugeriu que sua nora processasse os jornalistas.

“Processo nesses vagabundos de plantão”, escreveu o deputado progressista.

O Sindicato do Jornalistas do Acre se pronunciou sobre o assunto:

NOTA DE REPÚDIO

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Acre – Sinjac, vem a público repudiar a atitude e fala preconceituosa do deputado estadual José Beste ao tentar desqualificar os profissionais da imprensa.

Os jornalistas exercem sua função, que é levar informação a população, ainda que venha desagradar autoridades. O fato no qual o deputado se refere não se trata de uma narrativa inventada pelos profissionais, mas de uma apuração do maior órgão fiscalizador do Estado do Acre.

Lamentamos o despreparo do parlamentar ao querer terceirizar a denúncia a uma investigação a uma gestora, a uma categoria que nada mais exerce do que o seu trabalho.

Fica veementemente o registro de repúdio a uma postura despreparada e desrespeitosa com profissionais e cidadãos acreanos.

Irlany Valle
Presidente
Junta governamental

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas