Peixes da Amazônia: Tião Viana ataca superintendente e corta relações com o Ministério da Agricultura

0
Tião Viana critica vazamento de contaminação de peixes

O governo do Acre divulgou na manhã desta sexta-feira (25) uma nota repudiando o vazamento de informação sobre uma possível contaminação de pescados da empresa Peixes da Amazônia, denunciada por deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Acre.

A nota do governo afirma que o superintendente do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) no Acre foi precipitado e age de forma irresponsável ao vazar tais informações.

“A postura do agente comissionado na Superintendência do Mapa, claramente levado por motivações partidárias, trouxe prejuízos à imagem da empresa e a mais de seis mil produtores”, diz a nota.

Confira a nota na íntegra:

O governo do Estado do Acre tem dever com a promoção e a defesa da economia popular, ainda mais neste momento, agravado pelas pressões da crise nacional. Por isso reage com determinação ao expediente irresponsável de vazamento e manipulação de notícia, procedimento que ameaça a integridade do consistente programa de piscicultura no estado, já reconhecido como referência na Região Norte e em todo o país.

O governo do Estado oficiou ao titular do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi, a rescisão do acordo de cooperação com a Superintendência do Mapa no Estado do Acre, que perde seu sentido de colaboração técnica, fiscalização, defesa e inspeção sanitária, animal e vegetal, quando essa mesma instituição se envolve com a divulgação precipitada e danosa de uma inspeção técnica de rotina, realizada na indústria Peixes da Amazônia.

A postura do agente comissionado na Superintendência do Mapa, claramente levado por motivações partidárias, trouxe prejuízos à imagem da empresa e a mais de seis mil produtores – pequenos, médios e grandes, com reflexos financeiros negativos. A Peixes da Amazônia sofre o mesmo tipo de ataque covarde que fizeram com a carne brasileira, que é a melhor do mundo.

O governo do Estado reforça seu compromisso com o setor produtivo, a população e as instituições que primam pelo trabalho com ética, qualidade, profissionalismo, somando esforços por um Acre desenvolvido, conservado e produtivo.

Comentários

comentários