Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Empresária esposa do coronel Ulysses toma vacina anticovid antes que alguns médicos e idosos

Redação Folha do Acre

Publicado

on

A empresária Dayanna Menezes, dona da Estação Vip, empresa que presta serviço de segurança armada para o governo do Acre, e esposa do coronel da Polícia Militar, Ulysses Araújo, publicou uma imagem nas redes sociais tomando a vacina anticovid nesta segunda-feira (8). Logo em seguida ela apagou o registro.

A imagem foi divulgada em grupos de WhatsApp com críticas ao fato da empresária ter sido vacinada antes que alguns médicos, enfermeitos e até idosos acima de 90 anos.

Em entrevista à imprensa, Dayanna explicou que é estagiária de psicologia desde outubro de 2020 na Policlínica da Polícia Militar em um convênio firmado entre a instituição e o Centro Universitário U:Verse.

“A vacina foi liberada para todo o pessoal que trabalha na policlínica, inclusive para os estagiários, quadro a eu faço parte. Faço atendimento psicológico na policlínica. Estou lá três vezes na semana atendendo. Atendo os filhos dos policiais num estágio não remunerado. O próprio pessoal da vacinação incluiu os estagiários, por entender que estamos lidando diretamente com o público que chega na clínica. Portanto, linha de frente na saúde”, explicou ao site Notícias da Hora.

O comandante da PM no Acre, coronel Paulo César, afirmou que as doses disponibilizadas pela Secretaria de Saúde, aplicadas na Policlínica, eram destinadas apenas aos funcionários civis e militares que têm contato direto com pacientes.

“Nem o nosso pessoal de rua (militares da linha de frente de combate à pandemia) tomou a vacina ainda. Vamos procurar saber se ela (Dayanna) tomou e por que tomou”, respondeu o comandante.

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas