20 junho 2024

Em Belo Horizonte, ativista Germano Marino participa da Conferência Nacional de Cultura LGBTQIAPN+

Assessoria

Date:

Nestes dias 30 e 31 de janeiro, o Ministério da Cultura realiza a Conferência Nacional de Cultura LGBTQIAPN+, fase temática da 4ª Conferência Nacional de Cultura, em Belo Horizonte (MG). Contando com o apoio da produção local do Centro de Luta Pela Livre Orientação Sexual e Identidade de Gênero de Minas Gerais (@CellosMG), o evento reunirá pessoas da população LGBTQIAPN+ que são ligadas ao setor cultural de vários lugares do Brasil.

“A Conferência Temática LGBT, por um lado, tem a função de mobilizar e reanimar o setor cultural e os fazedores de cultura LGBT após quatro anos de desmonte da política cultural no Brasil e, por outro, prospectar a política cultural que queremos e que podemos” informa Germano Marino, secretário da Associaçäo de Homossexuais do Acre – AHAC, atual chefe da divisão de promoção da Diversidade Sexual, da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos – SEASDH, que está participando desse evento.

O secretário da AHAC, agradece a indicação da Casa Ninja no Acre, a qual possibilitou sua participação na Conferência de Cultura, temática “LGBTQIAPN+”, por reconhecer seus esforços na promoção da cultura LGBTQIA + acreana, na realização das Semanas Acreanas da Diversidade, desde o ano de 2005.

A etapa temática faz parte do quarto eixo proposto pelo MinC, para a 4ª Conferência Nacional de Cultura (CNC). Intitulado “Diversidade Cultural e Transversalidade de Gênero, Raça e Acessibilidade na Política Cultural”, o eixo propõem uma reflexão para o desenvolvimento de ferramentas que garantam o reconhecimento da diversidade e das expressões culturais, além da valorização das identidades regionais do pais. Neste sentido, a promoção da diversidade e a garantia de direitos para os grupos minorizados, também serão questões a serem abordadas.

Durante os dois dias do evento, que acontece no Centro de Referência das Juventudes, na capital mineira, haverão debates, performances e apresentações artísticas. Como destaques, estão as elaborações em torno do atual cenário cultural do Brasil, assim como as linguagens culturais LGBTQIAPN+. Ao final da conferência, serão votadas em plenárias, três propostas a serem direcionadas para a 4ª CNC, que será realizada em Brasília, de 4 a 8 de março deste ano.

Últimas