27 fevereiro 2024

Família de jovem morto por linha de cerol ocupa Aleac e pede justiça a deputados

Redação

Date:

Após menos de uma semana da morte do jovem Fernando Roca, degolado com linha de cerol enquanto dirigia em Rio Branco, familiares e amigos dele ocuparam nesta terça-feira (10), o salão da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac).

O grupo pede justiça aos deputados estaduais e solicitam que um Projeto de Lei que proíba a comercialização de linhas de cerol seja encaminhado à votação e sancionada pelo governador Gladson Cameli.

“Estamos pedindo justiça pela morte do nosso filho, morto à flor da idade, menino de ouro, honesto, sorridente, cheio de vida. Degolado por uma linha assassina, que não me deu direito a comprar um medicamento, nem levar ele para um hospital. Isso que nós estamos cobrando dos deputados e esperamos que eles tomem providência para que outras famílias não venham passar pelo o que nós estamos passando”, disse o pai do jovem, Fernando Roca.

O pai do jovem deve ainda ser ouvido no plenário da Aleac, durante a sessão legislativa desta terça.

ContilNet

Últimas