21 maio 2024

Fisiculturista de 34 anos morre de infarto fulminante em Rio Branco

Redação

Date:

O fisiculturista Eleidir Pereira Wolter Júnior morreu aos 34 anos, na madrugada desta terça-feira (26), no bairro Manoel Julião, em Rio Branco. Segundo o pai do atleta, Eleidir Wolter, ele sofreu um infarto fulminante em casa, ao lado da esposa.

Júnior chegou a pesar 150 quilos e, há cerca de 10 anos, começou a fazer academia e não parou mais. O atleta, conhecido no fisiculturismo como ‘Tubarão’, postava nas redes sociais essa mudança de vida e como saiu da obesidade e foi campeão no terceiro campeonato acreano de fisiculturismo, na categoria acima de 90 quilos.

O pai contou que ele era saudável, mas acredita que o fato de tomar medicações por conta dos treinos pode ter influenciado.

“Durante a madrugada desta terça, por volta das 3h, ele teve um infarto fulminante. Não tinha problemas de saúde, era muito sadio, fazia exames. Foi uma fatalidade, ele era muito jovem. Mas, acredito que forçava demais o corpo, ele tomava aqueles suplementos, não sei se foi feita coleta do sangue dele, vou inclusive perguntar para a funerária para sabermos depois”, disse Wolter.

O atleta era casado, cursava educação física e estava em casa com a mulher quando passou mal. A mulher que é técnica em enfermagem ainda prestou os primeiros socorros, acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas quando a equipe chegou, ele já estava sem vida.

“Ela disse que ele foi dormir e deu um suspiro mais alto, ela estranhou, chamou por ele e ele não respondeu. Acendeu a luz do quarto e viu que ele estava revirando os olhos. Como ela é técnica de enfermagem, deu massagem, mas ele infelizmente não resistiu. Ela chamou o Samu, mas apenas atestaram o óbito.”

O velório ocorre na capela São João Batista e o sepultamento no Cemitério São João Batista.

G1

Últimas