25 maio 2024

53 dias após a fuga do FOC, forças de segurança perdem o rastro de Lázaro do Acre

Redação

Date:

O fugitivo do presídio Francisco de Oliveira Conde em Rio Branco, Matheus Barbosa da Silva, de 25 anos, parece ter driblado as polícias do Acre. Após fugir do presídio na manhã do dia 26 de dezembro de 2022 com outros quatro companheiros, Matheus tomou rumo ignorado. A partir daí, as forças se uniram e fizeram do caso uma prioridade, dado o histórico homicida do fugitivo.

Cerca de 20 dias após a fuga e sob o encalço da Polícia Militar, Matheus Barbosa já havia cometido diversos outros delitos. Depois de cometer roubos no Ramal Santa Luzia, trocou tiros com um morador, roubou uma moto e deixou o proprietário da moto só de cueca num ramal, e trocou tiros com a Polícia Militar duas vezes. Dezenas de policiais penais e militares cercaram áreas de mata onde Matheus, que a este ponto já era conhecido como “Lázaro do Acre”, estaria escondido e possivelmente ferido à bala. Drones da Secretaria de Segurança Pública e até o helicóptero do Governo do Estado foram empregados na busca.

As forças de segurança parecem ter perdido o fôlego após 53 dias em que detento fugiu da FOC. A Polícia Penal disse que trabalha para prender o foragido, mas não respondeu se há alguma investigação em andamento. A Polícia Militar informou que agiu enquanto foi considerada a possibilidade de flagrante dos atos criminosos praticados, mas que cabe à Polícia Civil investigar. A Polícia Civil, por sua vez, disse não ter nenhuma equipe investigando o paradeiro de Matheus, mas está aberta para receber novas informações.

Ac24horas

Últimas