20 junho 2024

Acreanos procuram delegacia e denunciam que foram enganados por agência de viagem

Redação Folha do Acre

Date:

Pelo menos 11 clientes supostamente enganados pela agência Safyra Viagens registraram Boletim de Ocorrência nesta semana, em Rio Branco. Conforme as denúncias, a empresa vendeu passagens aéreas, hospedagem e as vítimas afirmam que levaram calote.

Em dos diversos casos de calote, uma mãe investiu todas as economias e foi com dois filhos para Santa Catarina. Quando chegou ao destino, o hotel pelo qual tinha pago à Safyra simplesmente não existia reserva. “Minha irmã ficou jogada lá, com duas crianças e simplesmente essa mulher sumiu”, afirmou José Rodrigues, que esteve na Delegacia de Flagrantes.

As vítimas foram até a delegacia pedir agilidade para os valores serem, no mínimo, ressarcidos. Entre os depoimentos na delegacia, há registro de um casal que perdeu R$ 17 mil.

“Hoje, dia 20, era o dia da minha mãe viajar. Quando fomos até a agência de viagens, estava fechada e ela foi bloqueada no contato de WhatsApp e foi quando percebemos que caímos em um golpe. Minha filha que mora na Bahia ia vir para cá, chegou a ir até o Aeroporto e nada. Foi um golpe de R$ 10 mil”, diz um morador de Senador Guiomard.

A sede da empresa funcionava no Bairro da Conquista, na capital acreana, mas está fechada segundo os denunciantes, que apresentaram comprovantes de compras de passagens e hospedagem. As vítimas alegam ainda que as redes sociais da empresa foram desativadas.

A reportagem tentou contato pelo telefone disponibilizada pela agência de viagens, mas não obteve resposta. Este é o segundo caso em menos de um mês, onde uma agência de viagens de Rio Branco é acusada de aplicar calote em clientes. Recentemente a Paiakam Turismo foi alvo de uma operação policial que culminou com a sua proprietária presa e logo em seguida solta em audiência de custódia.

Ac24horas

Últimas