23 fevereiro 2024

Mãe com criança de colo diz ter sido agredida por médica no Into e caso vai parar na delegacia

Redação

Date:

Uma confusão registrada nessa segunda-feira, 13, no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into), onde funciona, de forma provisória, o Hospital da Criança, terminou com um registro de Boletim de Ocorrência em uma delegacia da capital acreana.

A empreendedora Aline Costa acusa uma médica da unidade de saúde, ainda não identificada, de agressão. Em um vídeo que circula nas redes sociais, é possível ver a confusão, onde Aline afirma que foi agredida com a filha nos braços.

A confusão não é um caso isolado. Já há algum tempo, Aline denuncia nas redes sociais reclamações em relação ao atendimento da filha, a pequena Manuela.

Conforme a mãe, a criança sofre com dores e já passou por diversas internações sem um diagnóstico preciso. Foi iniciada uma campanha para levar a criança para São Paulo. Aline conseguiu as passagens, mas reclama que não consegue o encaminhamento necessário.

Na tarde dessa segunda, foi mais uma vez em busca de atendimento no Hospital da Criança, já que a filha sentia muitas dores.

Aline teria discordado do atendimento prestado pela médica e as duas teriam iniciado uma confusão que culminou com a denúncia de agressão. Aline Costa esteve no início da noite na Delegacia de Flagrantes registrando uma queixa.

A reportagem conversou com a mãe no momento em que estava no local e a mesma disse que daria mais informações após seu depoimento, o que não aconteceu até o momento.

A Secretaria Estadual de Saúde declarou que vai apurar o caso. Em relação à denúncia da mãe da falta de um diagnóstico preciso, a Sesacre informou que a criança já passou por vários exames e até o momento não foi atestado nenhum diagnóstico e aguarda o resultado de um novo exame. A saúde estadual informou ainda que o Ministério Público e a Defensoria Pública acompanham o caso.

Informações Ac24horas

Últimas