27 fevereiro 2024

Policial penal é preso após sacar arma para seguranças no show do Zezo, em Sena

Notícias da Hora

Date:

Durante o show do cantor Zezo na Expo Sena, um incidente chamou a atenção quando um policial penal identificado por Paulo Roberto foi preso após tentar furar a fila para tirar uma foto com o artista. O evento, que ocorreu na semana passada, se tornou palco de um confronto tenso que envolveu o agente penitenciário, a equipe de segurança do evento e a polícia militar local.

O relato do incidente é narrado pelo chefe dos seguranças, que compartilhou detalhes com nossa reportagem. Segundo o responsável pela segurança , o show de Zezo havia terminado naquela noite, e muitos fãs estavam ansiosos para tirar uma foto com o artista. Para manter a ordem, o responsável pela segurança contratou uma equipe de 35 seguranças.

Enquanto diversas pessoas estavam na fila esperando sua vez para a foto, o Policial Penal, acompanhado por sua namorada ou esposa, tentou furar a fila. Um dos seguranças presentes solicitou que o agente voltasse para a fila, mas este insistiu em sua prioridade, alegando ser policial. Mesmo diante da recusa do segurança, o agente penitenciário sacou uma arma na tentativa de intimidá-lo.

O incidente rapidamente escalou, com outros seguranças intervindo para desarmar o agente penitenciário e evitar que a arma fosse disparada. O agente penitenciário não apenas agiu de forma agressiva, mas também proferiu palavras de baixo calão e insultos contra a equipe de segurança.

Diante da gravidade da situação, a polícia militar (PM) foi chamada ao local. No entanto, segundo relatos, a PM demonstrou relutância em levar o agente penitenciário para a delegacia, levantando suspeitas sobre sua notoriedade na cidade. Posteriormente, o nome do agente, identificado como Paulo Roberto, foi fornecido à delegacia.

Segundo informações do delegado Tiago, revelou que o Policial Penal teve que pagar uma fiança no valor de 5.000 reais e teve sua arma apreendida.

Esse incidente não é o primeiro envolvimento de Paulo Roberto em situações desse tipo, pois anteriormente ele havia disparado um tiro durante uma bebedeira. No dia do incidente, Paulo Roberto estava visivelmente embriagado, como comprovado por vídeos e testemunhas.

O outro lado

Após o incidente no show de Zezo na Expo Sena, o Policial Penal Paulo Roberto entrou em contato com nossa reportagem e negou veementemente ter sido preso, como foi informado pelo chefe da segurança do evento. Fato esse que pode ser comprovado pedindo imagens das cameras de segurança da delegacia e do local do evento. Ele acusa os seguranças do evento de tentar tomar sua arma e afirma que a polícia militar interveio para resolver a confusão, não para detê-lo. Segundo sua versão, ele resistiu quando a equipe de segurança tentou retirar sua arma, argumentando que eles não reconheciam sua função como policial.

Últimas