1 março 2024

Michelle denuncia ameaça e polícia prestes a prender mandante da morte de Gedeon: quando política e casos de polícia se misturam

Coluna da Gina

Date:

Atenção

Na mesma semana que o diretor de Polícia Civil, Henrique Maciel, afirmou que em breve poderá se ter desdobramentos sobre o caso do assassinato do ex-prefeito de Plácido de Castro, Gedeon Barros, a deputada Michelle Melo denunciou que foi ameaçada. Quando os casos de polícia e política se misturam é sempre bom redobrar a atenção.

Ideal

O ideal é que se investigue toda denúncia de ameaça. Melhor pecar pelo excesso do que pela negligência.

Será?

No caso do assassinato do ex-prefeito que aconteceu há dois anos a investigação foi parar nas mãos do combativo delegado Alcino Júnior. Será se finalmente a polícia chegará ao nome do mandante?

Curioso caso

Nunca ter se chegado ao nome do mandante sempre deixou os acreanos com uma pulga atrás da orelha já que se tratava de um político, ex-prefeito que foi executado em via pública.

Estranho

No caso da deputada Michelle soou estranha a denúncia de que querem “calar” ela sendo que ela sempre teve oportunidade de falar e denunciar tudo que poderia. Se sabe algo de grave e não denunciou isso pode configurar conivência.

Sempre denunciou o que quis

Michelle Melo terá toda a oportunidade do mundo de provar que foi vítima de ameaça já que o governador garantiu que as forças de segurança estarão à disposição da parlamentar.

Com quais intenções?

Por enquanto a imagem que Michelle Melo deixa nos bastidores da política é daquela que chegou para um figurão e disse que tinha graves denúncias sobre a saúde, mas não expôs para a mídia. Ela queria usar as informações privilegiadas para que?

Tchê

Por falar em Michelle Melo, o presidente do PDT, Luiz Tchê, foi enfático em dizer que o mandato da parlamentar pertence ao partido. Sempre bom ela lembrar disso caso queira mesmo deixar a sigla.

Direção do PP que decide

A deputada Socorro Neri foi enfática ao afirmar a esta colunista na manhã de quinta-feira (7) que no caso de Bocalom manter a pré-candidatura diante da pré-candidatura de Alysson caberá ao PP decidir por qual nome prefere.

Alysson Bestene

Sempre ficou claro que o candidato do partido será Alysson Bestene, portanto caberá a Bocalom procurar uma saída.

Marcus Cavalcante

O deputado Marcus Cavalcante passa meses sem usar a tribuna da Assembleia Legislativa e no dia que usa ele dispara uma série de elogios ao ex-governador Jorge Viana. Sem motivo aparente. Ninguém entendeu nada.

Bom dia a todos

Últimas