29 maio 2024

Com emenda de Gonzaga, Porto Walter realiza final do maior campeonato de futebol feminino do Acre

Anderson Bodanese

Date:

A Prefeitura de Porto Walter finalizou neste domingo (17) o maior campeonato de futebol feminino do estado do Acre. A final foi realizada às 18 horas e teve a equipe Ilha Verde como a grande campeã, faturando R$ 10 mil reais como premiação.

O campeonato foi realizado graças à emenda do presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Luiz Gonzaga, que destinou recurso para a premiação e compra de material esportivo, como chuteiras, camisas e bolas.

Para Gonzaga, é uma satisfação poder contribuir com a prática de esporte em comunidades isoladas do Acre.

“O esporte salva vidas. Ele proporciona lazer, mas também é responsável por tirar os jovens do mundo do crime. Ver a alegria e gratidão dessas jovens atletas de várias comunidades de Porto Walter me enche de felicidade. O esporte acreano e o município de Porto Walter podem continuar contando com meu apoio. A Prefeitura de Porto Walter está de parabéns pela organização do campeonato feminino”, disse.

O prefeito de Porto Walter, César Andrade, agradeceu o presidente Luiz Gonzaga pela destinação da emenda que possibilitou a realidade do campeonato.

“Hoje finalizamos o maior evento esportivo que Porto Walter já realizou. Só foi possível graças ao deputado Luiz Gonzaga. Quero deixar minha gratidão e do povo portowaltense ao presidente Gonzaga. Obrigado, deputado, por tudo que faz pelo nosso município”, disse.

O vice-prefeito de Porto Walter, Guarsônio Melo, também agradeceu ao deputado Gonzaga pela destinação da emenda e aproveitou para reafirmar a parceria entre o Legislativo e a Prefeitura de Porto Walter.

“Quero agradecer ao presidente Luiz Gonzaga pela sensibilidade e incentivo ao esporto de Porto Walter. Graças a ele podemos realizar o maior campeonato de futebol feminino do Acre. As atletas estão gratas com o apoio do deputado. Espero que essa parceria entre a Aleac e prefeitura continue por muito tempo. O povo só tem a ganhar”, disse.


O campeonato reuniu equipes da cidade e zona rural de Porto Walter. Dezendas de equipes participaram, incluindo jogadoras indígenas que viajaram mais de 10 horas de barco para participarem da competição.

Últimas