25 maio 2024

Após nova operação da PF, governo diz que vai colaborar para combater mau uso de recursos

Redação Folha do Acre

Date:

 

Com a deflagração da Operação Fata Morgana, realizada nesta quinta-feira, 16, pela Polícia Federal, o governo do Acre esclareceu em nota pública, que a ação é complementar, com o objetivo de recolher, para análise, documentos relativos aos assuntos investigados.

Acerca da investigação em órgãos públicos com prejuízo acima de R$ 5 milhões, o governo garantiu que colabora com as autoridades; no sentido de combater e evitar o mau uso do dinheiro público, tendo inclusive criado a 1ª Delegacia de Combate à Corrupção.

Segundo a nota, os responsáveis pelos órgãos já foram afastados em virtude da Operação Ptolomeu.

“Os gestores responsáveis pelas pastas sob análise já foram afastados do serviço público e não haverá paralisia de obras necessárias para o desenvolvimento do estado. Por fim, o governo do Estado do Acre reitera o seu compromisso com a transparência e respeito ao cidadão”, diz trecho da nota.

Confira a nota:

– A ação é complementar, com o objetivo de recolher, para análise, documentos relativos aos assuntos investigados;

– O governo colabora, como sempre colaborou, com as autoridades, no sentido de combater e evitar o mau uso do dinheiro público, tendo inclusive criado a 1ª Delegacia de Combate à Corrupção;

– Os gestores responsáveis pelas pastas sob análise já foram afastados do serviço público e não haverá paralisia de obras necessárias para o desenvolvimento do estado.

Por fim, o governo do Estado do Acre reitera o seu compromisso com a transparência e respeito ao cidadão.

Últimas