Bombeiros presenteiam estudante de nove anos com bicicleta para ir às aulas

Tem sido cada vez mais comum o envolvimento de agentes da segurança pública acreana com a comunidade nos diversos municípios do estado por meio de ações que estão além da rotina dos atendimentos que chegam todos os dias aos canais de atendimento à população.

Em Xapuri, nesta semana, membros do 8º Batalhão do Corpo de Bombeiros foram até a casa de uma garota de nove anos que entrou em contato com a corporação com um pedido especial. A estudante queria ganhar uma bicicleta nova para ir às aulas, já que a sua estava bastante velha.

Camile dos Santos Leandro, moradora do conjunto Armando Nogueira, também conhecido como Cidade Deus, foi visitada por uma equipe de militares que depois de verificar a real necessidade dela, a presentearam com a colaboração de uma loja de bicicletas da cidade, que arcou com parte do valor.

“Ela nos pediu ajuda com a doação de uma bicicleta para que pudesse ir à escola. Então uma guarnição visitou a casa dela e verificou que era uma família carente. Os bombeiros juntaram esforços para a compra da bicicleta em parceria com a Bicicletaria Rondônia que patrocinou uma parte do valor”, explicou a tenente Laiza Mendonça, comandante do 8º Batalhão.

A entrega foi feita na última segunda-feira, 6, no quartel do Batalhão, com direito a foto e a primeira volta no novo veículo. A mãe de Camile, Maria Alcirene Mathias dos Santos, de 39 anos, contou que a garota fez o pedido aos bombeiros depois de saber que eles já haviam ajudado outras crianças.

“Ela teve essa ideia e não falou comigo, então fez o pedido. Ela me contou que já tinha visto eles fazendo uma ação parecida para outra criança. Então ela resolveu entrar em contato com eles e pedir a bicicleta como presente de Natal para que ela pudesse continuar indo à escola, pois a dela já estava bem velhinha”, afirmou.

Tímida, Camile não quis comentar com a reportagem o pedido bem sucedido que fez aos bombeiros, mas disse que deseja seguir o mesmo caminho quando crescer e já com uma pretensão bastante definida. “Vou ser comandante lá do bombeiro”, garantiu a estudante.

Ac24horas

Compartilhe este artigo