quarta-feira, agosto 10, 2022
26.3 C
Rio Branco
quarta-feira 10 agosto 2022

Polícia Federal faz buscas e apreensões em Cruzeiro e Porto Walter durante operação

POR Redação

Na manhã desta terça-feira (26/7), a Polícia Federal deflagrou a Operação Araras com o objetivo de cumprir 7 mandados de busca e apreensão nas cidades de Porto Walter e Cruzeiro do Sul.

Foi identificada uma organização criminosa voltada à prática dos crimes de apropriação indébita e estelionato, praticados em detrimento de indígenas, pertencentes à tribo Shawãdawa – ARARA em português, que habitam o sudoeste do estado do Acre.

A ORCRIM é formada por comerciantes estabelecidos em Cruzeiro do Sul e Porto Walter que realizam a captação e retenção forçada de cartões bancários, senhas e documentos pessoais das vítimas. Além dos alvos da operação, também foram identificados outros integrantes do grupo que atuavam realizando saques e a apropriação dos benefícios assistenciais e previdenciários, além de outras transações bancárias em nome dos indígenas, sem o conhecimento destes.

Os envolvidos, se condenados, poderão responder pelos crimes de estelionato previdenciário, extorsão e apropriação indébita, com penas de até 10 anos e meio de reclusão.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img