quarta-feira, agosto 10, 2022
26.3 C
Rio Branco
quarta-feira 10 agosto 2022

No AC, mulher presta queixa após bezerra de estimação desaparecer: ‘Crio como filha, não mate’

POR Redação

Bethânia tem aproximadamente seis meses, cílios albinos, mansa, nariz rosa, não é gorda e pesa cerca de 70 quilos. A bezerra de estimação desapareceu de uma chácara na cidade de Senador Guiomard, no interior do Acre, neste final de semana. Um boletim de ocorrência por furto foi registrado na delegacia da cidade nesta segunda-feira (11).

A dona da animal, que cuida desde quando nasceu, a fisioterapeuta Keterine Freire fez uma apelo nas redes sociais pedindo que quem a levou não mate e que entre em contato que ela está disposta até mesmo a comprar Bethânia de volta.

“Crio ela como uma filha, meus sentimentos por ela são muito grandes. Escutem meu apelo”, escreveu em uma nota de apelo.

Sumiço

 

Bethânia vivia em uma chácara próximo à Zona de Processamento e Exportação (ZPE) perto da área urbana da cidade. De acordo com Keterine, o furto foi percebido pelo pai dela na manhã de sábado (9), quando chegou no local e ela não estava.

“Até umas 19 h de sexta [8] ela ainda estava lá na colônia e depois disso meu pai saiu e ela ainda estava lá. Quando eu não estou em casa ele [pai] quem dá mamadeira para ela. Já no sábado [9], quando chegou, a fisioterapeuta conta que Bethânia não estava mais e o irmãozinho dela estava desesperado. Porque eu criava os dois [bezerros]. Meu pai procurou por toda redondeza e nada da Bethânia”, contou.

A fisioterapeuta disse que foi feita uma varredura na área para ver se o animal teria caído em algum buraco, mas sem vestígios.

“Andamos por toda a área, fomos nos vizinhos perguntamos e nada. Só que a Bethânia é muito mansa, já o Caetano, o outro bezerro, é mais arisco em relação a chegar muito próximo e acredito que tenham tentado também levá-lo, só que ele correu. Ele estava muito assustado, berrando quando meu pai chegou”, relatou.

Keterine cria a vaquinha desde muito pequena, depois de salvar a vida dela, porque foi encontrada na colônia de um tio, eles não sabem da mãe. A jovem relata apenas que o animal foi encontrado debilitado e, desde então, ela tem cuidado dela, inclusive, comprou o Caetano para que fizesse companhia e a bezerra não ficasse sozinha.

G1

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img