terça-feira, maio 17, 2022
21.3 C
Rio Branco
terça-feira 17 maio 2022

Leo de Brito garante apoio à aprovação do PL do piso salarial da Enfermagem

POR Assessoria

A pauta de destaque nesta semana na Câmara Federal é a votação do Projeto de Lei (PL) 2564/2020 que institui o piso salarial dos profissionais de enfermagem, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem e parteiras. Garantindo total apoio a aprovação do PL, o deputado federal Leo de Brito (PT-AC) ressalta que a aprovação precisa ocorrer para seja reconhecida a importância dessas categorias que prestam relevantes serviços à população.

Para o parlamentar, esse é “um grande momento para esses profissionais da área de saúde”. Ele frisa que a sociedade deve estar atenta ao voto de cada deputado federal na votação do projeto de lei do piso salarial.

“No dia a dia das unidades de saúde esse profissionais são essenciais no atendimento à população. Antes de chegar a um atendimento com um médico, são eles que prestam a primeira assistência, que fazem as triagens. Além disso, não podemos esquecer que durante a pandemia enfermeiros, auxiliares de enfermagem, técnicos de enfermagem foram verdadeiros heróis, salvando a vida de milhares de brasileiros. E, infelizmente, muitos desses profissionais faleceram vítima da Covid-19”, recordou o deputado petista.

Leo de Brito afirma que o Congresso Nacional tem a obrigação de aprovar o PL 2564. Ele destaca que atualmente, diante da carestia de alimentos, dos altos valores da tarifa de energia elétrica, do valor dos combustíveis e da inflação, além do desemprego, tem havido uma subvalorização desses trabalhadores.

“São profissionais que estão tendo que trabalhar em outras áreas para conseguirem ter uma complementação de renda. Eles merecem ser respeitados e valorizados. Por isso, fico feliz por estar ao lado dos trabalhadores e trabalhadoras da Enfermagem e das parteiras desde o primeiro mandato. Essa é uma luta que se arrasta há décadas e agora, chegou o momento de aprovarmos essa medida tão importante para a Enfermagem”, finalizou.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img