Zen chama Gerlen de “vagabundo” e deputados quase brigam na Aleac

0

O deputado Gerlen Diniz (PP) e o líder do Governador Tião Viana, deputado Daniel Zen (PT) quase foram a vias de fato durante a sessão da Assembleia Legislativa do Estado Acre (Aleac) nesta quarta-feira (16). O motivo da briga foi para saber quem foi o maior responsável pelos problemas atuais do Estado.

Durante a fala do oposicionista, Zen que já havia se pronunciado sobre o governo de Orleira Camelin, tentou interromper o colega deputado e foi respondido a altura pelo deputado Gerlen. A discussão esquentou e Daniel Zen ofendeu ao outro deputado, chamando-o de “vagabundo”.

Quando o clima esquentou, com Gerlen devolvendo os xingamentos, o deputado Éber Machado (PDT), que estava presidindo a sessão interveio e solicitou ao petista que se mantivesse calado e respeitasse a fala do oposicionista. Éber ainda determinou que fossem removidos dos anais da casa as ofensas trocadas entre os parlamentares.

Como nas últimas sessões, os debates ficaram por conta de saber a crise econômica, social e econômica são culpa de Orleir Cameli ou dos 20 anos de governo petista.

Após alguns momentos de tensão, o clima acalmou e Gerlen Diniz pode concluir o discurso e teve de ouvir calado as respostas. Gerlen concluiu, dirigindo-se ao petista: “O Senhor pode usar o artifício que quiser para se manter calmo”.

Comentários

comentários