Rocha promove 3 oficiais da Polícia Militar ao assumir governo do Acre

0

O governador em exercício Major Rocha promoveu nesta quarta-feira, 17, três oficiais da instituição Polícia Militar e lhes concedeu por tempo de serviço e merecimento, a promoção para o mais alto nível do oficial na carreira militar: o posto de coronel.

Os homenageados com as promoções foram Ezequiel Bino, que até a presente data era responsável pelo Batalhão de Trânsito, Douglas Thomaz, responsável pelo Comando de Policiamento Operacional do interior e José Messias, chefe de gabinete do Comandante Geral. Os antigos cargos agora serão direcionados à tenentes coronéis e os promovidos atuarão com suas novas funções em locais ainda a serem definidos pelo comandante geral da instituição.

O governador em exercício e também militar Major Rocha, entende a promoção como um momento de realização pessoal na vida do policial e destacou a responsabilidade do posto que gera cobranças.

“Vocês mostraram um bom desempenho na parte operacional e burocrática. Agora a cobrança vai ser maior e esperamos mais dos senhores pra nos ajudar a combater a violência que aflige nossas famílias e melhorar cada vez mais o serviço que prestamos à sociedade acreana”, disse Rocha.

O comandante geral Coronel Mário Cézar, na oportunidade, agradeceu o esforço do governo em respeitar as datas de promoções da instituição. “Eu quero agradecer ao nosso governador em exercício por continuar respeitando as datas de promoções dos nossos policiais. Promoveu agora três coronéis que serão fundamentais para o destino da nossa instituição e como temos muito trabalho a fazer, essas promoções servem até de motivação para alcançarmos nossos objetivos”, finalizou.

Os homenageados com as promoções agradeceram pelo voto de confiança que Rocha deu a cada um. “Saibam que nós vamos correr atrás e darmos o melhor de nós para retribuir esse voto de confiança, pode contar conosco”, disse o Coronel Douglas Thomaz.

“Nós temos consciência da responsabilidade, conhecemos os problemas, a tropa que temos e certamente a vontade de ultrapassar esse momento que o estado passa, não é só nosso mas é de toda a tropa e cabe a nós agregar esse sentimento e tentar fazer o melhor a nossa comunidade”, destacou o coronel, José Messias.

Coronel Ezequiel Bino, comentou que se sinte honrado e feliz. “Trata-se da realização de um sonho. Vim de Brasileia, fui garçon, servente de pedreiro e finalmente estou hoje nessa instituição tão honrada que é a Polícia Militar. Só tenho a agradecer e dizer que podem contar comigo para o que for necessário”, finalizou.

Assessoria

Comentários

comentários