Participação de Temer no Programa Silvio Santos faz dono do SBT ser criticado na web

0

Foi ao ar na noite do último domingo, 28 de janeiro, a comentada ida do Presidente Michel Temer ao Programa Silvio Santos no SBT. O atual comandante máximo do nosso país esteve na atração para falar sobre a Reforma Trabalhista.

No encontro com o dono do SBT, Michel Temer procurou contar detalhes do projetos aos brasileiros. No entanto, tal participação não caiu bem para o pessoal da internet. O vídeo de Michel no dominical começou a circular nas principais redes e o nome de Silvio Santos passou a ser criticado.

Em um página, por exemplo, o apresentador foi detonado. “Sílvio ganhando 50 reais para falar besteiras kkkkk”, disse um internauta. “Que coisa mais sem graça Silvio Santos ajudando a roubar os brasileiros”, comentou outro. “O Silvio Santos não tá sabendo mais nem quem é o Roberto Carlos”, afirmou mais um seguidor.

“Silvio Santos perdeu meu respeito!”, brandou uma telespectadora. “Silvio que vergonha”, “Silvio cagou no pau” e “Dois idiotas. Palhaços”, completam a lista de comentários.

Dentro do programa, o político deu dados incorretos sobre o assunto. Temer começou exagerando ao dizer que “este projeto de Previdência não alcança os mais pobres, aqueles que ganham um, dois, três salários mínimos”.

A afirmação é apenas verdadeira para trabalhadores que recebem até um salário mínimo. Até porque está previsto na Constituição que o benefício mínimo a ser oferecido ao aposentado é obrigatoriamente de um salário mínimo.

No entanto, os profissionais que tenham dois ou três salários mínimos serão impactados pela mudança na forma do cálculo da aposentadoria e no recebimento de pensão por morte. O motivo é que a aposentadoria passa a ser calculada com base em 100% dos salários, não mais 80% dos salários como é hoje.

Comentários

comentários