“Nos outros anos jogavam tudo para ‘debaixo do tapete’ e culpavam Bolívia e Peru”, diz Jarude sobre queimadas

0

O vereador de Rio Branco, Emerson Jarude (sem partido), afirmou da tribuna da Câmara de Vereadores na manhã de quinta-feira (22) que todos os anos o Acre é assolado por queimadas, que a política ambiental pregada nos últimos anos foi uma falácia que prendeu o estado em um período medieval e que em anos anteriores os dados relativos a queimadas eram forjados e a verdade escamoteada.

Jarude salientou que em governos anteriores os dados eram divulgados, mas o Acre nunca figurava como protagonistas nas queimadas.

“Eles jogavam para ‘debaixo do tapete’ e diziam que a fumaça vinha do Peru e da Bolívia. O discurso de Florestania era falido e não trouxe resultados”, diz.

O vereador afirmou que o Acre vive preso à epoca medieval no que se refere a Meio Ambiente.

“Nós aqui no Acre, aqui em Rio Branco, vivemos em condições medievais”, salientou.

Comentários

comentários