Lene Petecão convoca poder público a lutar contra depressão e diminuir números de suicídios

0
Vereadora Lene Petecão (PSD)

A vereadora Lene Petecão (PSD) usou a tribuna da Câmara de Rio Branco na manhã desta terça-feira (1) para exigir que os poderes públicos, especificamente o Municipal, estabeleça um plano exequível de medidas que combata a depressão e desta forma diminua os números de suicídios na capital acreana.

Lene lamentou o que considerou alarmantes números de suicídios e frisou que esta conta tem que ser colocada nas mãos dos governantes que não se dedicam a criar políticas públicas eficientes.

A parlamentar afirmou que depressão é uma doença silenciosa e que vem vítimas tanto na capital quanto no interior.

“Depressão é uma doença silenciosa, que mata, é um problema de saúde que precisa ser encarado com seriedade pelos nossos governantes. Suicídio é o resultado do avanço dessa doença e isso é um assunto que carece de políticas públicas eficazes”, diz.

Lene citou e lamentou os três suicídios em uma mesma família que ocorreram na capital na semana passada e afirmou que é preciso que todos se empenhem a encarar a depressão com a seriedade que o assunto merece.

“Eu quero pedir perdão em nome de todo poder público que não tem levado essa questão a sério. Três suicídios em uma mesma família é uma tragédia imensa que reflete o quão doente nossa sociedade está”, frisou.

Lene é autora do Projeto de Lei (PL) “Janeiro Branco”, que inseriu no calendário oficial de Rio Branco o mês de conscientização à saúde mental. Entre as propostas do PL de Lene está a oferta de suporte informativo, educacional, assistencial, preventivo e diagnóstico para a população.

A parlamentar afirma que é fundamental que os postos de saúde estejam preparados para receber as demandas relacionadas à saúde mental.

“Depressão é um assunto grave e precisamos estar preparados para lidar com isso”, diz.

Comentários

comentários