Filho de Edmundo Pinto pedirá a Bolsonaro e Sérgio Moro reabertura do caso da morte do ex-governador

0

O ex-vereador Rodrigo Pinto, filho do ex-governador do Acre, Edmundo Pinto, assassinado em um hotel em São Paulo na década de 90, usou as redes sociais para divulgar um vídeo onde afirma que pedirá ao presidente Jair Bolsonaro e ministro Sérgio Moro a abertura das investigações no caso do assassinato do seu pai.

“Eu vou escrever uma carta aberta ao presidente Jair Bolsonaro, ao ministro da Justiça senhor Sérgio Moro e aos juízes da Lava Jato que reabram o caso do saudoso governador Edmundo Pinto. Naquele período o crime era de lavagem de dinheiro, corrupção ativa, onde os recursos para federais para chegar ao Estado tinha que passar por uma fatia de comissões entre ministros, secretários de estados, empresas, empresários para financiar essa massa”, declarou.

Rodrigo ainda criticou a série da Netflix que abordará o assassinato do seu pai.

“Querem induzir a população e aos novos representantes da Justiça, como o senhor Sérgio Moro, como o presidente da República Jair Bolsonaro e juízes que assumiram a Lava Jato que o crime foi latrocínio”, ponderou.

Comentários

comentários