Suspeitos de assaltar Samu são presos em Rio Branco com grande quantidade de droga

0

Policiais da Delegacia de Combate a Roubos e Extorsões (DCORE) da Polícia Civil prenderam na manhã de quarta-feira, 4, duas pessoas suspeitas de participação no roubo a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de urgência (SAMU), ocorrido na madrugada do mesmo dia.

Informações levaram os investigadores da DCORE à Lourenço Ribeiro de Lima, 22 anos e Josivan Silva da Cunha, 33, como suspeitos da ação criminosa praticada contra os socorristas, que no momento do roubo atendiam um paciente com câncer. Após localizados e presos os agentes averiguaram que a dupla possuía mandado de prisão em aberto e deram cumprimento a determinação judicial.
vizinho.

No local em que foi preso, os investigadores encontraram uma grande quantidade de gêneros alimentícios que forma comprados com o cartão de uma de suas vítimas.
“Estamos evidenciado a participação dos suspeitos nessa ação criminosa empregada contra os socorristas do SAMU. Sabemos que são dois indivíduos de alta periculosidade e pelo menos um deles já foi reconhecido em pelo menos três assaltos”, disse Santa Bárbara.

O Delegado Geral da Polícia Civil, José Henrique Maciel Ferreira enalteceu as ações da Polícia Civil e também o trabalho integrado que vem sendo realizado pelas forças da segurança no Estado.

“Essas prisões são fruto de ações realizadas pelas especializadas da Polícia Civil, ações que contam com a participação e o esforço de todos. Um trabalho de inteligência que resulta em ações pontuais, além do trabalho integrado que sendo realizado em todo o Acre”, explicou.

O Delegado Geral destacou que
o compromisso das forças de segurança que estarão realizando operações policiais na capital e no interior nos próximos meses.

Comentários

comentários