PM prende detento que se passou pelo irmão para fugir pela porta da frente da Penal

0

Policiais militares prenderam na tarde desta quarta-feira (13) no município de Boca do Acre/AM, Gean Moreira Brilhante, foragido da penitenciária Francisco d’Oliveira Conde, em Rio Branco.

De acordo com a polícia, em uma ronda de rotina pelo bairro Samambaia avistaram Gean em atitude suspeita e ao ser abordado se apresentou com outro nome. Após averiguação no sistema de identidade, os policiais perceberam que se tratava do foragido do sistema prisional de Rio Branco e que estava sendo procurado pela polícia há cerca de dois meses.

O presidiário havia fugido do sistema prisional no dia 11 de março de 2018, pela porta da frente, após se passar pelo seu irmão Fefson Moreira Brilhante (visitante), isso ocorreu devido a grande semelhança fisicamente com seu irmão. Gean aproveitou o momento de maior fluxo de visitantes saindo e da vulnerabilidade da guarnição e se evadiu do presídio tranquilamente.

Diante dos fatos, Gean foi preso e encaminhado a delegacia do município e permanece a disposição da justiça.

Entenda o caso

Uma circunstância fora do comum foi registrada no velho e falho sistema prisional de Rio Branco, no horário das visitas por volta das 15h deste domingo (11). O presidiário Gean Moreira Brilhante, recluso no alojamento 06, cela 13, na Penitenciaria Francisco D’Oliveira Conde fugiu pela porta da frente.

De acordo com o Comunicado 945/2018 – Relatório Diário nº 070/2018 da Coordenação da Segurança do presídio, o irmão do apenado, Fefson Moreira Brilhante (visitante) apresentou sua carteira, passou pela vistoria e foi de encontro ao seu irmão, minutos depois trocaram de roupas e Gean que possui uma grande semelhança fisicamente com seu irmão, aproveitou o momento de maior fluxo de visitantes saindo e da vulnerabilidade da guarnição. Três servidores controlavam a saída de visitas, faziam o preenchimento das fichas de visitantes e faziam a segurança do banho de sol, não sendo possível controlar a totalidade de todas as atividades que ocorrem no alojamento. O preso fingiu ser o irmão assinando a ficha de saída de visitantes e fugiu.

Depois de algum tempo, já quase no final do horário, o visitante se apresentou na portaria dizendo que era Fefson Moreira Brilhante, visitante e irmão do preso. O agente logo após ver que a ficha de saída já havia sido assinada questionou a Jefson, que se fez desconhecer o fato, alegando que não sabia que seu irmão tinha saído no seu lugar.

Diante dos fatos, a escolta prisional foi acionada e encaminhou o visitante a Delegacia de Flagrantes (Defla) para os esclarecimentos perante autoridade policial. Fefson foi ouvido pelo Delegado e em seguida foi liberado mediante o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), onde vai responder no Juizado.

Comentários

comentários