Motociclista não habilitado colide contra caminhão em Mâncio Lima; menor de 15 anos morreu na hora

0
Colisão entre motocicleta e caminhão resultou na morte da adolescente/FOTOS: reprodução

Uma adolescente identificada como Maria Lidiane da Silva, 15 anos, morreu e seu irmão sofreu ferimentos graves após se envolverem em um acidente no final da manhã desta quarta-feira (19), nas proximidades do quartel da Polícia Militar de Mâncio Lima, município do interior do Acre. A menor e o irmão seguiam em uma motocicleta quando colidiram contra um caminhão.

De acordo com informações passadas pela polícia daquela cidade, o caminhão envolvido no acidente presta serviços para a prefeitura, e era conduzido por um homem chamado Leonardo Lima. Ele teria se evadido do local e horas depois se apresentado na delegacia acompanhado por um advogado. Prestou esclarecimentos e foi liberado.

Populares relataram aos policiais, que o motociclista teria saído na avenida principal por uma rua paralela sem dar sinal e que o motorista do caminhão só percebeu a colisão quando as pessoas gritaram para ele parar. A menor sofreu traumatismo craniano e morreu no local, já o irmão foi socorrido e levado em estado grave ao hospital, onde permanece internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), correndo risco eminente de morte.

A família confirmou que o jovem Marcelo da Silva, que conduzia a motocicleta, não era habilitado. O corpo da vítima fatal foi recolhido por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML), e levado para a sede da instituição em Cruzeiro do Sul, e após os devidos procedimentos foi liberado para que os familiares pudessem realizar o velório.

 

Comentários

comentários