Hotel de luxo de assessor especial do ex-governador Tião Viana é invadido por bandidos

0

Cinco homens levaram à prática o dito popular de que a ocasião faz o ladrão: eles se aproveitaram da situação de quase abandono de um prédio de luxo onde até o governo passado funcionava um hotel e espaço de eventos na BR-364, na altura do trecho chamado de Via Verde, próximo à quarta ponte, às margens do rio Acre, e tentaram entrar para roubar.

A propriedade pertence ao ex-secretário de Estado e ex-assessor especial dos governos da Frente Popular, na chamada era petista, que durou 20 anos no poder, Antônio Monteiro. Ironicamente, o homem que quase foi roubado esta noite foi inclusive Secretário de Segurança Pública e chefe das polícias Civil e Militar.

O hotel está fechado por briga judicial. O Banco da Amazônia, que financiou o empreendimento, entrou na Justiça cobrando uma dívida no valor de pelo menos R$ 19 milhões. Quando o PT estava no poder o espaço era alugado sempre que havia conferências ou outras agendas governamentais. Desde o final do governo, o espaço deixou de funcionar como hotel de luxo.

Com o prédio praticamente abandonado, bandidos têm se aproveitado da situação e invadido o local para roubar móveis e outros objetos.

No entanto, desta vez vigias que trabalham no local, viram o quinteto de bandidos se aproximando e chamaram a polícia. Uma patrulha esteve no local, mas não conseguiu prender ninguém. Os bandidos se refugiaram num local de mata fechada na região.

ContilNet

Comentários

comentários