Após assalto, policiais acompanharão Samu durante atendimentos a bairros perigosos

0

Após assalto a uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no bairro Recanto dos Buritis, o diretor do Samu, Antônio Castro, reuniu-se com o secretário de Segurança Pública do Acre, coronel Paulo Cézar, para tratar sobre a segurança dos socorristas.

Durante a reunisão ficou decidido que policiais militares acompanharão os socorristas durante atendimentos a bairros perféricos de Rio Branco.

Comentários

comentários