Roberto Duarte seria o líder ideal para o governo Gladson na Aleac, diz colunista

0

Roberto Duarte Júnior

Poucas ascensões políticas se assemelham a de Roberto Duarte Júnior (MDB), deputado mais bem votado na capital acreana e que foi campeão de votos como vereador também.

Popular e inteligente

A popularidade do moço, principalmente nas redes sociais, somada à sua formação sólida e inteligência sagaz, o põe em destaque na nova legislatura.

‘Pé direito’

Duarte está longe de ter a arrogância de Diniz ou o despreparo de outra meia dúzia e, portanto, entra com ‘pé direito’ na legislatura que inicia dia 1° de fevereiro.

Gonzaga se encaminha para ser primeiro-secretário

Duarte disputa a primeira-secretaria da Aleac que se encaminha para cair no colo do deputado Luiz Gonzaga, outro quadro preparado da política e com experiência que o qualifica a voos maiores, mas nem por isso o deputado emedebista sairá diminuído. É a grande liderança do grupo ligado ao governador Gladson.

Duarte seria o líder ideal para Gladson na Aleac

Se as coisas fossem mais simples na política e a meritocracia funcionasse nesse setor, Roberto seria o nome ideal para ser o líder de Gladson Cameli na Aleac.

Não é tão simples

Duarte é menos arrogante e brigão que Ghelen, menos ambicioso que Bestene e o melhor orador dos novos deputados. Naturalmente deveria ser o medebista o líder do governo, mas em política dois mais dois não são quatro.

Apagaria um incêndio com Mazinho

Outro incêndio que seria apagado com a escolha de Duarte para ser líder do governo era esse gerado com o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), que não se conforma que seu desafeto, Ghelen Diniz, seja líder.

Mesmo Mazinho de sempre

Mazinho que manda no mandato da esposa segue fazendo política da mesma forma que sempre usou: direto, barulhento e sem qualquer vestígio de diplomacia. A briga dele com o deputado Ghelen Diniz, ampliado nas redes sociais, é uma das coisas mais ridículas vistas ultimamente no Acre. Cautela e caldo de galinha deveriam ser uso frequente de Mazinho.

Autêntico

No entanto, todos sabem que Mazinho é autêntico e realmente não usa máscara. Embora sem diplomacia, é sempre salutar saber que se lida com alguém original.

‘Cada macaco no seu galho’

A briga de Mazinho e Ghelen Diniz demonstra o quadro do atual governo: a falta de lideranças centralizadoras que tomem para si a responsabilidade da articulação e coloquem ‘cada macaco no seu galho’.

Todo mundo é líder

No atual governo há muito caciques para pouco índio. Todos se arrogam de liderança e cada um trata exclusivamente de seus próprios interesses.

A saga de Deda

O ex-prefeito Deda, marido da deputada Maria Antônia (PROS), segue na luta para conseguir manter a esposa com cargo na Mesa Diretora da Aleac. Dificilmente conseguirá.

Sinhasique

A secretária de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, propôs que acreanos hospedem turistas, no conhecido modelo air bn, mas esqueceu que o setor hoteleiro precisa sobreviver e deixou os empresários tiriricas da vida.

Ansiosa

Sinhasique tem boa vontade, mas segue pecando pela ansiedade. Não pensa antes de lançar um projeto. É preciso cautela.

Bola dentro

No entento, é preciso reconhecer que a ex-deputada acertou em cheio ao sugerir que o governo compre produtos e servicos de pequenas e microempresas se realmente quiser investir nos pequenos empreendedores.

Bom dia a todos

Comentários

comentários