Polícia faz espetáculo na prisão de médico enquanto bandidos de facções ‘tocam terror’ na Sobral

0

Espetáculo

Transformaram em um espetáculo desnecessário a prisão do médico Giovanni Casseb, sob acusação de fazer parte de uma rede de venda ilegal de anabolizantes.

Dificilmente se sustenta

Qualquer olhar jurídico superficial vê que as acusações contra o médico dificilmente se sustentam e a mídia toda em cima da prisão dele foi completamente desnecessária.

Indicações médicas

Em uma rápida análise uma enfermeira afirmou ontem que a maior parte dos medicamentos apreendidos na casa do médico, amostras grátis receitadas por ele, têm uma gama de indicações. Qualquer relatório provará isso.

Médico socorrista do Samu

Giovanni Casseb não é um criminoso. Não há processo contra ele transitado em julgado, sequer uma grave acusação de atentado contra vidas. Ao contrário disso, Giovanni caiu nas graças da população ao ser médico socorrista do Samu e salvar muitas vidas.

Facções seguem tocando o terror

Na mesma tarde que o médico Giovanni Casseb era apresentado com espetáculo pela Polícia Civil como se fora alguém perigoso o terror se instalava no bairro Boa União e faccionados fizeram mais vítimas.

Tem que investigar

Óbvio que a investigação sobre Giovanni Casseb tem que ser levada a cabo, de forma minuciosa como se faria com qualquer cidadão, mas sem o espetáculo pirotécnico.

Prejudica

Autoridades não podem querer espetáculos, holofotes, ser maiores que os fatos. Exemplo dessa necessidade louca de aparecer e que prejudica as coisas é essa briga de egos entre a OAB e a Polícia Federal com relação à Operação Treia. Está estragando tudo.

Roberto Duarte

Roberto Duarte Junior, deputado pelo MDB ainda dará muito trabalho para o governo. Ele segue no interior colhendo demandas para futuras pautas da Assembleia Legisativa no retorno dos trabalhos.

Feijó

Uma das denúncias que Duarte fez na sexta-feira (19) através de suas redes sociais é que o necrotério de Feijó está sem condições de funcionamento e chove em cima dos defuntos. Tenso.

Ruins

Por falar em Feijó, ao encerrar o semestre legislativo conclui-se que nos primeiros meses de legislatura os deputados de Feijó, Cadmiel Bonfim e Marcos Cavalcante, são os piores do legislativo.

Lene Petecão

A vereadora de Rio Branco pelo PSD, Lene Petecão foi uma das mais atuantes do semestre na Câmara de Rio Branco. A mulher consegue ser boa de tribuna e ainda ser presente nos bairros da capital.

Bom dia a todos

Comentários

comentários