Paulo Wadt: a falta de ações concretas e o caminho para se tornar o “Gato de Botas” do governo, diz colunista

0

Paulo Wadt e a falta de resultados

Paulo Wadt não é apenas um secretário sem resultados, como também é o caso mais famoso de engodo que já se viu com relação a apresentação de resultados. Não disse a que veio e poderá entrar para a história e levar consigo o governador Gladson Cameli, como o homem que enterrou a agricultura no Acre. Ele se vende como um fidalgo da mais alta estirpe intelectual, é a ‘síndrome do gato de botas’ que enganou um poderoso rei.

O “Gato de Botas” do governo Cameli

O excêntrico Paulo Wadt fala muito e faz pouco, mas se vende bem, faz uma auto marketing muito bom junto ao governador Gladson Cameli e, por isso, poderá ser comparado ao “Gato de Botas” do governo Cameli.

A lenda do “Gato de Botas”

Para quem não lembra, o “Gato de Botas”, ou o mestre gato, é um conto de fadas de um escritor francês que narra a história de um caçula de três irmãos que recebe como herança de seu pai um gato de estimação. Depois de ganhar um par de botas, o gato consegue convencer um rei muito poderoso de que pertence a um fidalgo chamado Marquês de Carabás, e consegue ao seu dono a mão da princesa em casamento.

Se vende como solucionador de problemas e da mais alta fidalguia intelectual

Talvez a única coisa que Wadt possua além da sua boa lábia seja um par de botas imaginário ou algo semelhante que faça mesmo achar que é a solução para a agricultura do Acre e o governador, representando o poderoso rei, o compra como grande solucionador de problemas.

Acabando com o que existia

Além de não apresentar resultados concretos em 10 meses, Paulo Wadt ainda consegue a proeza de acabar com as conquistas da Secretaria de Agricultura e Pecuária.

Mônica Feres

A exemplo de Mônica Feres, que teria negócios fora do Acre e contrato com outro estado, Paulo Wadt também viaja muito e ganha gordas diárias para isso.

Desativou a Central de Melhoramento Genético do Estado

O secretário se desfez de uma grande conquista para o produtor de leite. Ele simplesmente desativou a Central de Melhoramento Genético do Estado, que poderia ser o pontapé para o crescimento da pecuária leiteira no Acre.

Tentando terceirizar a Central de Incubação

Como se não bastasse ele está tentando terceirizar a única coisa que vem dando certo, que é a Central de Incubação do Estado, que vende pinto a um preço bem acessível ao pequeno produtor. Segundo informações, ele estaria tentando passar para um grupo de Rondônia.

Nem de sua competência isso é

Paulo Wadt, segundo fonte desta coluna, vem prometendo ao governador e aos produtores falando que vai promover a regularização fundiária no Acre. Regularização fundiária não é de competência da SEPA, e, sim, do Incra ou Iteracre. Só pessoas ignorantes não sabem disso.

Fechou em Xapuri

Em muitos municípios, como é o caso de Xapuri, a SEPA ainda está com suas portas fechadas e sem nenhuma função, pois, segundo informações, o secretário para se livrar de compromissos passou para as prefeituras as máquinas e até mesmo os prédios da secretaria.

Triste fim

Paulo Wadt ameaça a existência de projetos importantes como a Central de Melhoramento Genético, a Central de Alevinagem e a Central de Incubação, que já tem mais 30 anos funcionamento atendendo os pequenos produtores.

Também é cômico

Mas não só de suposta incompetência vive Paulo Wadt, ele também é cômico. Ele afirmou à imprensa que criou para aprovação da Assembleia Legislativa uma lei ambiental para destravar o Acre que se sobrepõe ao Código Florestal. Essa foi demais.

Ilderlei Cordeiro

Ilderlei Cordeiro vem conseguindo mudar a cara de Cruzeiro do Sul. Ele transformou a cidade em um canteiro de obras e ainda barateou o custo do recapeamento ao conseguir uma tecnologia nova de asfalto.

Reeleição

Ilderlei ainda não decidiu se será candidato à reeleição, mas se não for já possui nomes para indicar e um deles é a irmã, Idelcleide Cordeiro, que é seu braço direito na gestão de Cruzeiro e vem se destacando politicamente.

Celso Russomano no Acre

Celso Russomano virá ao Acre para um evento sobre direitos do consumidor. Quem o trará é o deputado federal Manuel Marcos.

Bom dia a todos

Comentários

comentários