O fim de uma era: PT realiza eleição apática, Lourival abandona o barco e Tião Viana se recusa a dar entrevistas

0

Apatia marca o fim de uma era

O domingo foi dia de eleição no Partido dos Trabalhadores (PT). Longe da efervescência e da circulação de estrelas petistas, a eleição foi apática e elegeu por aclamação Selma Neves, que é uma espécie de ilustre desconhecida da maioria das pessoas, e está longe de ser uma das estrelas de primeira grandeza que conduziram a sigla nos tempos áureos.

Tião Viana na eleição do PT

Tião Viana, ex-governador do Acre, e a ex-primeira-dama, Marlúcia Cândico, participaram do Processo de Eleição Direta (PED).

Não quis conceder entrevistas

Tião não quis gravar entrevista. Logo ele que por tudo e por nada dava declarações e mais declarações a jornalistas.

Nem precisava

Nem precisa. Os fatos falam por si só e as dívidas deixadas com funcionários e fornecedores dão o perfeito panorama na era Tião Viana. Nenhum discurso tardio dele irá mudar isso.

Jorge e Marcus Alexandre viajando

Outras estrelas petistas como Jorge Viana e Marcus Alexandre alegaram viagem para não comparecer ao evento.

Desfiliação do Louro

Lourival Marques, ex-deputado pelo PT, um dos maiores defensores da sigla, dono de discursos tão apaixonados quanto ridículos na ALEAC na época em que o PT estava no poder, anunciou desfiliação.

Perdendo filiados

Sem poder, o PT irá perder muitos dos outros seus filiados, até os mais ferrenhos defensores.

O remanescente

Entre os remanescentes leais, bom de briga na hora de defender o PT, ficou o Cesario Braga fazendo um brilhante trabalho de resistência.

Semirames Dias, ela fica

Semirames Dias voltou ao cargo de secretária da Fazenda mais poderosa que nunca. O próprio governador pediu que ela reavaliasse.

Necessária

A verdade é que Samirames é a trava do cofre e alguém de extremo equilíbrio e confiança. Portanto, deve mesmo ocupar uma secretaria tão importante no contexto de governabilidade.

Bom dia a todos

Comentários

comentários