O drama de Gilberto Siqueira: de todo poderoso no Acre a presidiário doente e abandonado

0

O pesadelo de Gilberto Siqueira

O poder é efêmero e as circunstâncias se alteram rapidamente. Na última semana, o ex-todo poderoso mentor intelectual do projeto da “Florestania” e ex-secretário de Planejamento do governo Jorge Viana, Gilberto Siqueira, foi preso pela Polícia Federal e enfrentou dias difíceis de doença e abandono.

A miséria do Pronto Socorro

Gilberto Siqueira passou mal, diagnosticado com princípio de um infarto, e deve ter experimentado pela primeira vez na vida as dificuldades do serviço público na área de saúde.

Convênios suspensos por falta de pagamentos

Com o convênio para realização de cirurgias cardíacas suspenso por falta de pagamentos há 3 meses, o governo do Acre, gestão da Frente Popular, que Siqueira ajudou a idealizar, não pode oferecer ao ex-todo poderoso a realização do procedimento.

Maca sem colchão e sem cobertor na madrugada

No dia em que foi internado no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb), Gilberto amargou a miséria de ter que ficar deitado em uma maca sem colchão e experimentou uma madrugada de frio sem ter sequer um cobertor para se cobrir.

Santa Casa de Misericórdia

Gilberto Siqueira conseguiu, após intensa batalha judicial, ser transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Rio Branco, mas não sem antes experimentar a falência completa do sistema público de saúde gerido por Tião Viana.

A mente por trás do conceito de “Florestania”

Gilberto Siqueira foi um dos homens mais poderosos e influentes do Acre. Era a mente por trás das ideias de “Florestania” pregadas por Jorge Viana.

Empréstimos

Siqueira conseguiu muitos empréstimos para o Acre quando gerido pelos seus amigos da Frente Popular, mas foi tratado como um párea nos últimos dias.

Detalhes

“Não teve com ele toda aquele cuidado e visitas da direção que tem quando é alguém ligado ao governo. Ele ficou abandonado à propria sorte. Na madrugada, como o ar da emergência tava ligado, ele pediu uma coberta, mas não tinha”, contou uma fonte a esta colunista.

Lobista

Preso acusado de ser lobista junto ao BNDES, Gilberto Siqueira não recebeu a visita ou ajuda dos seus amigos que tentam a todo custo não ligar seus nomes ao do presidiário na reta final da eleição.

Rodrigo Damasceno cansou da briga interna do PT

Rodrigo Damasceno entregou a coordenação da campanha da Frente Popular em Tarauacá. A desculpa oficial foi a de que precisava cuidar de sua família, mas nos bastidores sabe-se que o médico e ex-prefeito estava cansado da guerra aberta por Jorge Viana contra Ney Amorim.

Perda significativa

Rodrigo era uma peça importante no projeto da Frente Popular em Tarauacá, município decisivo na última vitória da Frente Popular.

Carlos Gomes

O candidato a deputado federal pela Rede Sustentabilidade, Carlos Gomes, tem sofrido duros ataques nas redes socias. Dono de uma das melhores mentes do Acre, sendo um quadro político qualificado, Carlos desperta inveja dos mais despreparados.

Bom dia a todos

Comentários

comentários