Delírios da política no AC: clima de já ganhou na oposição e ginásio com “30 mil pessoas”

0

As convenções e a histeria coletiva

O início das convenções partidárias no Acre é a largada para uma espécie de período de alucinação semicoletiva, de panfletagem no Facebook e agressões entre velhos conhecidos. Na alucinação generalizada parece não existir esquerda nem direita, somente pessoas desesperadas para chegar ao poder ou se manter nele.

Começou

A convenção da Frente Popular do Acre (FPA), grupo liderado pelo PT, realizada no sábado (21), marcou o início desta espécie não tão rara de histeria coletiva que assola o Acre a cada dois anos.

Explicável

Em um estado com comércio fraco, sem indústrias, com empresários a mercê do poder público e milhares de desempregados é explicável a histeria bianual. É uma leva de pessoas tentando manter seus empregos ou conseguir um.

Frente Popular afirmando ter 30 mil e oposição com ares de vitória antecipada

Tão ridículo quanto vê velhos caciques da FPA afirmando que tinha 30 mil pessoas em um ginásio onde cabe no máximo 9 mil, foi vê a oposição em clima de “já ganhamos”. Pareceu uma dupla tentativa de ilusão para não encararem as dificuldades da disputa.

Nem pesquisa e nem foto ganham pleito eleitoral

Nem pesquisas, as encomendas pela oposição, e nem foto, as belas tiradas pelo fotógrafo Sérgio Vale, com perfeita ilusão de ótica, ganham eleição. Um pouco de senso de realidade para a oposição e os petistas faria bem a todos.

Companhia de Selva está trabalhando para os dois lados?

Desconfia-se seriamente que a Companhia de Selva, a agência que cuida das contas publicitárias do governo há quase 2 décadas e que chegou ao Acre pelas mãos de Orleir Cameli, o falecido governador, esteja fazendo trabalho duplo. Só isto justificaria o fato de que ambos os lados estejam com ideias de publicidades tão equivocadas.

A ideia do inexplicável verde

A Campanha da FPA deixará de lado o velho vermelho petista e se abraçará ao verde. A Cia de Selva mirou na bandeira do Acre e acertou em um semafáro ao juntar o vermelho do PT, amarelo e laranja do PSB e adotar o inexplicável verde.

“Segue o líder” e a vergonha alheia

A oposição com seu clima de já ganhou adotou um bordão tão pobre quanto ridículo de “segue o líder”.

Márcio Bittar

Márcio Bittar, aquele candidato que tenta a todo custo puxar Jorge Viana (PT) para uma briga na internet, mas não consegue, voltou aos holofotes da política ao estar sendo procurado por um oficial de Justiça que tenta lhe notificar da penhora de bens por conta da campanha de 2014.

Sempre da pior forma

Márcio é um sujeito interessante. Tenta a todo custo voltar aos holofotes, mas acaba conseguindo sempre dá pior forma.

Emylsson Farias

O vice de Marcus Alexandre, Emylson Farias, tentou a todo custo cumprir sua misera finalidade de vice com um sorriso amarelo no rosto durante coletiva. Qualquer desavisado poderia interpretar o riso forçado com uma espécie de dor de barriga originada no nervoso.

Presidenciável no Acre

O candidato a presidente da República pelo PSOL, Guilherme Boulos, estará na sede do partido no Acre na manhã desta segunda-feira (23). Haverá uma coletiva para a imprensa e uma ação partidária logo após.

Bom dia a todos

Comentários

comentários