Com violência 3 vezes maior que a média nacional, governo do Acre perde argumento para culpar Temer

0

Violência no Acre

O programa Fantástico, exibido pela Rede Globo no último domingo (10), escancarou o problema da violência no Acre e mostrou um estado onde impera as leis do crime.

Sem mais desculpas

Como disse o ex-deputado Luiz Calixto, via redes sociais, como os números da violência no Acre são 3 vezes maiores que a média nacional, a desculpa de “fronteiras abertas” não se sustenta.

Sem argumentos

A desculpa mais usada pelo governo do Acre de que a culpa da violência são as “fronteiras abertas” caiu por terra. Fica provado estatisticamente que o problema é local.

Tosco e infantil

A oposição cantando a vitória antes da hora é o tipo de comportamento que pode atrapalhar um pleito eleitoral que se encaminha para ser favorável ao grupo. Aquela frase ridícula de “Segue o líder” em uma montagem mal feita da foto de Gladson Cameli é tão tosca quanto infantil.

Não se ganha antes da hora

Não tem eleição ganha até que o último voto seja computado. Ambos os lados deveriam saber disso e agir com mais naturalidade.

Vagner Sales e sua precipitação

Mas o que esperar de um grupo que tem como um dos líderes o ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales (MDB), que esqueceu da própria pré-campanha a deputado estadual e já começa a computar votos para presidir a Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). Loucura é pouco.

Cedo

Mesmo com chances reais da oposição ganhar o governo do Acre, Vagner Sales deveria ter o bom senso de cuidar primeiro de ganhar a eleição e só depois pensar em Mesa Diretora da Aleac.

Exemplo de Asfury

Vagner Sales poderia conversar com Jamyl Asfury sobre sua experiência em cuidar da eleição da presidência da Aleac antes de ser reeleger. A derrota humilhante de Asfury deveria servir de exemplo para aqueles precipitados em sua sede de poder.

Processar

A prefeita de Rio Branco, Socorro Neri (PSB), prometeu processar um rapaz que lhe xingou pelo Facebook. Está no seu livre direito de buscar reparação.

Não perdoou

No geral, embora a maioria sem apelar para xingamentos, os internautas não relevaram o fato de Socorro Neri ter homologado o reajuste na tarifa de ônibus.

Bom dia a todos

Comentários

comentários